O Rosemary Baby está de volta aos discos. “Lost on The Trace of Time” é o nome do terceiro disco de originais, que é produto da imaginação de Bruno Rosmaninho. Depois de “The First Time” – 2013 e “Timeless” – 2017, “Lost on The Trace of Time” em 2023, encerra a trilogia dedicada à coisa mais preciosa do mundo – o tempo.

Um conjunto de 11 canções dentro do seu próprio estilo que variam do Pop ao Rock, com letras que retratam as histórias vividas nos últimos anos, com letras sinceras e com melodias cativantes.

Com 3 singles já editados “Let’s Start Over Again”, “Ballerina” e “If You Believe”, agora remixados e remasterizados, eis que chega finalmente o tão ansiado álbum.

O disco conta com a participação especial de Carlos BB, dos estúdios Black Sheep, na bateria. Gravada por Bruno Xisto e Guilherme Gonçalves nos estúdios Black Sheep em Mem Martins. Conta ainda com a participação de alguns convidados como Naomi Sigfalk, dos Raposeira Dub Collective ou Ricardo Pires, Bruno Silva, José Carreiro e João Duarte, membros da Banda Filarmónica dos bombeiros de Aljezur, nos sopros.

O single de apresentação de “Lost On The Trace of Time” é a canção “The Storm”, que retrata os tempos alucinados que vivemos com a pandemia, guerras e a grave crise económica. A noção de que a nossa liberdade não é uma coisa garantida e que teremos de lutar por ela, se a quisermos ter.

Deixa um comentário