Com o regresso dos festivais, também o Bons Sons finalmente regressou, e no local do costume, na simpática aldeia de Cem Soldos. A 8km de Tomar, voltou a cercar as suas ruas para 4 dias de festa que hoje termina. Na impossibilidade de estarmos os quatro dias, por lá passámos no sábado dia 13 de Agosto para voltar a viver a aldeia.

Não importa o cartaz musical quando a riqueza deste festival é muito maior na sua gente, na forma como nos recebe, e na sua cultura. E é isso que sempre nos leva até ao Bons Sons, “assinamos por baixo” de ano para ano o nosso compromisso em lá voltar, e a saudade dá-se quando nos vimos embora.

Este ano apenas pudemos marcar presença no sábado, entre jogos tradicionais para todas as idades, mercadinho de rua, e cantares populares nas mesas onde jantávamos, assiistimos também à performance de Elizabete Francisca no Auditório Francisco Silva ou Portabuka (na rua), e aos concertos de Bia Maria, Emanuel & Toy Matos, Sunflowers, Cassete Pirata ou Aldina Duarte.

A aldeia cresceu ligeiramente, mas manteve a sua essência. Continua a ser o local onde continuamos a ser muito bem recebidos pelos locais, e, todos os que lá vão respiram calma e tranquilidade, e procuram a cultura na sua simplicidade e diversidade. No próximo ano lá estaremos, para viver de novo a aldeia.

Deixa um comentário