“2020 e 2021, durante as duas temporadas que passei a trabalhar a partir de casa e fiz umas fotografias que não me são muito comuns. Entre Março e Junho de 2020 corri muito pela cidade.
No final de Janeiro de 2021 encurtei a distância e fotografei a minha praceta: https://www.instagram.com/explore/tags/marmelocartografando/
Quem diria que era uma despedida do meu Barreiro. Temporária, será? A verdade é que mudei de coordenadas pouco depois destas fotografias. O resultado desta tentativa de sanidade mental foi parar as paredes do AMAC – Auditório Municipal Augusto Cabrita, no Parque da Cidade do Barreiro.
No dia 22 de Janeiro, a ideia é passearmos pelas fotografias nas paredes e depois, se houver interesse, máquinas fotográficas ou telemóveis, ir até ao local das fotos e percorrer este meu mini mapa. Gostava muito que a tag #cartografiaindividual crescesse com a vossa ajuda neste dia.

Deixa um comentário