A festa de celebração do 4º aniversário do Sabotage Club prosseguiu com um anfitrião muito especial. A expectativa era palpável, a curiosidade crescente. Cerca de quarenta anos de carreira e histórias aterravam no Caís do Sodré. Se hesitações subsistissem estas foram dissipadas: Tav Falco, lendário artista Americano, foi a grande personalidade deste terceiro dia.

20170429 - Concertos - Tav Falco Panther Burns @ Aniversário Sabotage Club

Os célebres Tav Falco Panther Burns, surgidos nos últimos meses dos anos 70, chegaram ao palco vestidos de negro. Encetando um longo preâmbulo instrumental, a banda merece a  curiosidade dos presentes. No entanto, foi com a entrada do mítico vocalista que o quinteto americano alcançou uma genuína e generalizada atenção do público. Com a bem conseguida Funnel of Love, toda uma mistura de Country e Blues vem à superfície. Quem dá sinal de si é todo o carisma de Falco, que entre passos de dança improvisados e gestos estrategicamente atirados para o público agarrou soberbamente a plateia.

Apesar do grande espaço mediático que o vocalista ocupa no concerto, nota para a eficiência da banda que demonstrou competência e um grau de harmonia elevadíssimo. O público manifestava dificuldade em manter os pés no solo. Os sorrisos eram frequentes, e as semi-piruetas da banda, eram acompanhadas por olhares indiscretos e movimentos sexualizados oferecidos por Tav Falco. Sway, o quarto tema da banda, carregou consigo a nostalgia de uma melodia que já não nos lembrávamos de ouvir há anos: foi, claramente, um momentos mais celebrados deste quarto aniversário. Bourgeois Blues, Snake Drive e Oh She Dances foram outros dos temas que geraram um maior número de passos de dança.

20170429 - Concertos - Tav Falco Panther Burns @ Aniversário Sabotage Club

Sem permitir que alguém ousasse ficar indiferente ao seu carisma, Falco revela uma comunicação peculiar com os demais. Esta não carece de oralidade para transmitir o que pretende, dado que a sua expressividade é, na sua essência, não verbal e produzida fundamentalmente no decorrer das músicas. A plateia, rendida, contrapõe com amiúdes sorrisos e recorrentes danças. Nesta altura o ambiente variava entre a apelatividade da banda e o suor do presentes, situação que se agravou significativamente no momento em que os Americanos encetaram um tributo a Nat King Cole, com o tema Mona Lisa a fazer-se ouvir num Sabotage bastante preenchido.

20170429 - Concertos - Tav Falco Panther Burns @ Aniversário Sabotage Club

Antes de se retirar do palco, o quinteto interpreta ainda o famoso tema Wisthel Blower, trazendo ao escuro da noite uma música inédita. É hora de nos fazer-mos novamente à estrada, diziam. A satisfação era generalizada e o entusiasmo difícil de conter. No fim, entre fotos, autógrafos e beijos a Tav Talco, ficou uma certeza: foi bonita a festa.

Após a saída da banda, a noite ficou a cargo do Rock N Roll dos Djs A Boy Named Sue, Johnny Chase e Nuno Rabino.

Texto – Tiago Pinho
Fotografia – Luis Sousa