Os The Twist Connection estão cheios de novidades! São agora um quarteto com Raquel Ralha (Belle Chase Hotel, Wray Gunn) como a sua mais recente aquisição. Para além disso, estão de regresso aos Serra Vista Estúdios para registar novos temas com Mr. Boz Boorer: guitarrista e director musical de Morrisey desde 1991, fundador dos The Polecats, reformou os John´s Children (1ªbanda de Marc Bolan), convidado de David Bowie etc.

Espera-se um 45´ já no início do próximo ano assim como um 2019 preenchido com muitos concertos.

Para já, os The Twist Connection continuam na estrada a apresentar o seu recente disco homónimo lançado pela editora conimbricense Lux Records no passado dia 8 de Junho.

Esse trabalho resume um caminho percorrido entre e após os muitos concertos inseridos na promoção do último “Stranded Downtown“ (2016). Nada de conceptual, simples!

Influenciados por uma série de estéticas do século XX que entraram pelo novo milénio, desde os 50´s ao Punk, encontram em 2018 a própria identidade ou, pelo menos, fazem por isso. Não são do Garage nem de qualquer vaga Psicadélica, gostam de Rock´n´Roll e praticam-no. Sobrevivem-no e falam sobre isso. E quem quiser saber mais, vai ter de ver e ouvi-los.

Twist Connection” foi gravado em Coimbra no Blue House Studios por Jorri Silva (a Jigsaw/ The Parkinsons) e João Rui (a Jigsaw) que toca vários instrumentos em todos os temas do álbum, desde o piano ao theramin, passando pelas guitarras e percussões.

O disco tem como convidado especial no mellotron Augusto Cardoso (bunnyranch, Tiguana Bibles) e como convidada muito especial na voz Raquel Ralha (Belle Chase Hotel, Wray Gunn, Mancines, Raquel Ralha & Pedro Renato), ambos na segunda versão de Dancin´in the Dark.

+ info  The Twist Connection

Fotografia (capa) –  The Twist Connection