Na passada noite de Sábado, o Popular de Alvalade teve a receita certa para encher a sua sala. Ao apresentar TV Rural e OIOAI, acorreu uma multidão de fãs que não deixou seque vago, aquele tímido espaço que por norma separa o palco da audiência.

Os primeiros a actuar foram os TV Rural, conquistaram assim que entraram em palco, e deixaram bastante claro as suas intenções com Correr De Olhos Fechados. Não queriam os pés assentes no chão, e a noite era toda deles. E com o longo reportório que trouxeram, esse não foi o único tema a ser entoado a alto e bom som. Com o ritmo que a noite levava, com os músicos reforçados por cerveja, o ambiente estava ideal. Despiram-se t-shirts, gritos de incentivos eram direccionados para os artistas, e pela altura em que se começou a tocar Pedra É Pedra, o single do terceiro álbum “Sujo”, já a multidão se assemelhava a uma irmandade. Mas um igual impacto tiveram os temas Ligeiro Ciúme, Quem Me Chamou, e por fim Bailarina. Um tal impacto que quase se implorou por mais temas, que não abandonassem já o palco, que oferecessem um pouco mais de si mesmos, mas a noite tinha que continuar.

Por isso a noite continuou com os OIOAI, mas, apesar dos encorajamentos dos TV Rural, a audiência foi progressivamente diminuindo, até já haver espaço para atravessar a sala de uma ponta à outra. Isso não causou impedimento, a música não cessou, mas a atmosfera já não era a mesma e também nós demos a noite por terminada.

Texto – Samuel Pereira
Fotografia – Ana Pereira