O Rock in Rio-Lisboa 2016 “dá-lhe o honra desta dança”!

Depois do sucesso das edições anteriores, a Street Dance está de volta, renovada e com ainda mais animação e energia! A organização do maior evento de música e entretenimento do mundo apresentou no Dia Mundial da Dança o Palco da Street Dance, com curadoria da Jazzy Dance Studios, que terá como pano de fundo um cenário de inspiração urbana, retratando as ruas que acolhem os vários estilos de dança que vão subir a este palco durante os cinco dias de evento. A Street Dance, que este ano está maior, mudou também a sua localização na Cidade do Rock, proporcionando uma ainda melhor experiência a todos os fãs que querem dançar.

_MG_0532_1024

Vitor Fonseca, conhecido como Cifrão, volta a ser o Embaixador da Street Dance, tendo um espaço especial neste line-up com a final do Cifrão Online Dance Challange by Carmex, uma competição exclusivamente online. Com diversos estilos de dança urbana, a Cidade do Rock volta a receber no palco onde dançar é obrigatório crews profissionais de grande qualidade técnica e interpretativa, contemplando grandes nomes do mundo da dança como Blaya, FunkyMonkeyz (conhecidos pela sua participação no programa Got Talent Portugal) e, como não podia deixar de ser, a Jukebox Crew, a dance crew residente pela terceira vez consecutiva nas edições de Lisboa. Para além disso, o público vai ainda poder ser parte integrante desta festa, ao participar nas aulas de animação promovidas pela Jazzy, sendo totalmente envolvido no cenário que conta até com um carro da Mazda Motor de Portugal, a marca do Carro Oficial do Rock in Rio-Lisboa 2016.

Num espetáculo onde a criatividade não tem limites, os artistas vão poder surpreender o público com estilos e movimentos arrojados, usufruindo do cenário construído para que as suas performances sejam ainda mais espetaculares. Neste palco não há pausas, sendo as atuações de cada dia uma celebração conjunta daquilo que a dança de rua expressa: muita energia, uma constante partilha de emoções e, acima de tudo, o prazer de viver.

A Street Dance tem como Diretor Artístico Álvaro Lopes (Director Geral da Jazzy Dance Studios), um apaixonado pelo universo da dança urbana que pretende que esta se torne cada vez mais transversal a todas as gerações. Álvaro iniciou o seu percurso na dança em meados dos anos 2000, altura em que começa a dar os primeiros passos no Street Dance. Rapidamente se apaixonou por este universo, e foi ao fim de 8 anos que decidiu criar a Jazzy, dando um novo fôlego à dança urbana em Portugal.

“Entretenimento é a palavra de ordem. E dança é o espaço e o momento onde podemos criar, inovar, viver e sentir tudo ao máximo a cada segundo. E não é isso o Rock in Rio? Este palco é onde o entretenimento começa, onde o público é surpreendido, onde sente vontade de começar a dançar e de partilhar boas vibrações com os outros. Temos a certeza que o público se vai deixar levar pelo espetáculo que construimos, se vai sentir parte de cada dança, de cada momento e, com isso, vamos conseguir ficar na memória das pessoas como mais um dos grandes momentos a repetir no maior evento de música e entretenimento do mundo. E isso muito graças aos fantásticos bailarinos que, com elevada qualidade técnica, vão divertir e fazer vibrar o público de todas as idades, géneros e gostos!” explica o responsável pela Street Dance, Álvaro Lopes.

No Palco Street Dance a animação começa logo na abertura de portas da Cidade do Rock e está a cargo da Jukebox Project, sendo o pontapé de saída para cerca de cinco horas de muita dança e energia na 7ª edição do Rock in Rio-Lisboa 2016.

Cifrão: pela segunda vez, o Embaixador do Palco Street Dance

Uma das maiores referências de dança no nosso país desde 2006, Cifrão assume pela segunda vez consecutiva o papel de Embaixador da Street Dance. Coreógrafo da TVI/Plural, nos últimos anos integrou vários programas de entretenimento ligados à dança como júri, mas a sua paixão por esta arte começou bem mais cedo.

Iniciou-se no hip-hop aos 16 anos e, em 2001, participou no World Hip Hop dance Championship, em Los Angeles, onde conquistou o prémio de campeão mundial de hip-hop com o grupo Hexa, entre muitas outras conquistas.

Abrindo caminho à sua versatilidade enquanto artista, foi com a sua participação em Morangos com Açúcar que iniciou a sua carreira de ator e cantor, tendo sido neste momento que alcançou grande notoriedade. Foi também durante as filmagens deste projecto que surgiram os D’ZRT, a banda que Cifrão integrou e que se tornou rapidamente um fenómeno musical a nível nacional, tendo inclusive atuado no Palco Mundo do Rock in Rio-Lisboa em 2008.

Palco STREET DANCE
19 de maio20 de maio27 de maio28 de maio29 de maio
Jukebox Crew+HIP HOP Bootcamp Jukebox Crew+Hip hop Bootcamp Jukebox Crew+hip hop Bootcamp Jukebox Crew+hip hop Bootcamp Jukebox Crew+hip hop Bootcamp 
Jukebox Crew Jukebox Crew Jukebox Crew Jukebox Crew Jukebox Crew 
 Dia do Mundo Nuno&VandaOrchidaceae

LEGACY

Jazz Project

 

PIRUKA(momento Swaag On)CIFRÃO Online Dance Challengeby CarmexMelhor BBoy de Portugal(Competição) Hip Hop Internacional(vencedores)
 AULA DE ANIMAÇÃO+hip hop Bootcamp AULA DE ANIMAÇÃO+hip hop Bootcamp AULA DE ANIMAÇÃO+hip hop BootcampAULA DE ANIMAÇÃO+hip hop BootcampAULA DE ANIMAÇÃO+hip hop Bootcamp 
BlayaFunkyMonkeyz(momento SwaGg On)CIFRÃO Online Dance Challengeby CarmexMelhor BBoy de Portugal(Competição) Hip Hop Internacional(vencedores)
Jukebox CrewCom The BlkbrdsJukebox CrewCom The BlkbrdsJukebox CrewCom The BlkbrdsJukebox CrewCom The BlkbrdsJukebox CrewCom The Blkbrds

 

As crew’s do Palco Street Dance

Jukebok Project: a crew residente em Lisboa pela terceira vez

Indiscutivelmente uma das melhores crews de street dance em Portugal, a Jukebox Project é, pela terceira vez consecutiva, a crew oficial do Palco Street Dance no Rock in Rio-Lisboa. Este projeto, que surgiu da necessidade de criar uma plataforma de criação para jovens talentos e para veteranos nesta área, foi fundado por Vasco Alves em 2008. Para além de ter vencido o campeonato Europeu de Crews e o Funkin Stylez Paris, o Jukebox Project conta já com vários títulos de campeões nacionais e representações internacionais, tendo conquistado recentemente, e pelo segundo ano consecutivo, o primeiro lugar no Hip Hop International. Como campeões nacionais, vão ainda representar Portugal na final mundial em Las Vegas. Esta crew residente irá atuar todos os dias do Rock in Rio-Lisboa 2016, ficando responsável tanto pela abertura como pelo fecho do Palco Street Dance, altura em que vai atuar com os The Blkbrds, uma banda com influencias 80’s electro funk , hip-hop e rock criada em 2013 pela vontade de trazer de volta o ambiente retro com uma pitada de futurista. No seu primeiro single, “Rock you now”, esta banda faz uma homenagem a dois dos mais conceituados bailarinos do sapateado em Portugal : Marinela Mangueira e Michel.

 

Hip Hop Bootcamp by Jukebox Project

Também dirigido pelo Coreógrafo Vasco Alves, os Hip Hop Bootcamp formaram-se em outubro de 2015 em parceria com a Jazzy. O que os caracteriza é essencialmente uma forte vertente de formação avançada na dança urbana e nas áreas complementares, tais como locking, popping, hip hop, house, vogue, waacking, danças tradicionais africanas, contemporâneo, entre outras. Este grupo pretende promover o desenvolvimento técnico e cognitivo dos 25 bailarinos que o integram, estimulando a criação e a execução técnica. Em 2016, conquistaram, pela primeira vez, o terceiro lugar na competição de Mega Crews no Hip Hop International. Os Hip Hop Bootcamp vão atuar todos os dias do evento e em vários momentos com a Jukebox Crew.

 

Dia do Mundo

De forma a mostrar mais do que a dança urbana, atravessando fronteiras e viajando para outros estilos, o Palco Street Dance vai também receber o momento Dia do Mundo que conta com as atuações do par Nuno Furtado & Vanda Gameiro e dos grupos de dança Orchidaceae Urban Tribal, Legacy e Jazz Project.

Nuno Furtado & Vanda Gameiro são o par português mais reconhecido do panorama da salsa a nível internacional e iniciaram a sua carreira a solo em 2004. Nas suas criações artísticas e no seu estilo da sua dança, este par transparece a formação que possui em várias áreas, tais como salsa, jazz, dança contemporânea, funk, dança clássica, tango argentino, kizomba, entre outras.

Os Orchidaceae Urban Tribal são uma companhia de dança que fundem o tradicional e o moderno, o antigo e o novo, o natural e o construído. Fundado por Piny, este grupo de nove elementos femininos funde estilos com origens e vocabulários diversos, cruzando as diferentes vertentes da dança urbana, a versão mais industrial e urbana da dança do ventre (Tribal Fusion Belly Dance) e a dança contemporânea.

Legacy são um grupo de bailarinos profissionais com muita experiência de performance, formação de excelência e um percurso reconhecido no mundo da dança. Este projeto apresenta-se como inovador na área da dança e é coordenado pelos bailarinos Colin Vieira e Inês Afflalo, que se juntaram após a participação no programa da SIC Achas que Sabes Dançar, em 2010.

Os Jazz Project é mais uma aposta da Jazzy que se iniciou em outubro de 2015, momento em que foi criada uma companhia de dança de Jazz/Lyrical Jazz com Vanda Gameiro como coreógrafa convidada e um corpo de bailarinos de cerca de onze elementos.

 

Blaya: beats “dançáveis” sem hora nem local

Conhecida como a provocadora bailarina e MC que acompanha os Buraka Som Sistema, Blaya dançou toda a sua vida. A brasileira que tem viajado cada vez mais em workshops internacionais, estreia-se agora a solo com o EP “Blaya”, no qual apresenta o seu lado funk, atualiza o trap, usa a escola hip-hop com letras que contam histórias do quotidiano, e consegue ainda transmitir o seu lado mais delicado e doce do R&B. “Blaya” é o reflexo absoluto do universo da face feminina dos Buraka Som Sistema. A bailarina que prende as atenções do mundo inteiro com a sua presença e energia inesgotáveis, é sinónimo de provocação, sensualidade e beats que se dançam sem hora nem local. No Palco Street Dance do Rock in Rio-Lisboa 2016 há hora e local para o público ficar ao rubro com os beats de Blaya!

 

Piruka: Pára e Pensa

André Silva, conhecido como Piruka, é um rapper português que conta com mais de 50 mil subscritores nas redes sociais, e mais de 9 milhões de visualizações no YouTube, sendo o segundo artista de hip-hop a nível nacional com mais seguidores nesta plataforma. Piruka encontrou a música como refugio para exprimir os seus sentimentos e relatar as suas vivências através de um rap “cru”. Este nome incontornável do hip-hop nacional, lançou o seu primeiro álbum em 2014 e foi ai que iniciou um ano de concertos e conquistas de norte a sul do país e também em Espanha. Este ano lançou “Pára e Pensa”, um novo trabalho composto por originais que nos dá a conhecer o mesmo Piruka introspectivo mas, mais adulto e com outras abordagens sobre a vida.

 

Funky Monkeyz

Criado em 2012, este grupo de dança e animação lisboeta é já um sucesso nacional! Os FunkyMonkeyz destacam-se pelas suas coreografias dinâmicas e pela empatia e relação que criam com o seu público, conseguindo cativar e prender a atenção de todos ao longo das suas performances.

Constituídos atualmente por oito elementos e pelo seu manager, Juneid Faruk, os FunkyMonkeyz juntaram-se com o objectivo de fundir as suas diferentes técnicas, sempre com um toque de animação e comédia, conjugando ainda as características pessoais de cada um. Este grupo ganhou notoriedade quando cinco dos seus elementos participaram no programa Got Talent Portugal, tendo conseguido chegar às semis-finais do concurso. O grupo que, desde sempre, tem feito tours de norte a sul do país, promete “espalhar o LOVE” no Palco Street Dance da Cidade do Rock de 2016.

_MG_0629_1024 

Cifrão Online Dance Challenge by Carmex: final

Cifrão Online Dance Challenge é uma competição de dança que dá aos dançarinos que nela participam a oportunidade para mostrar a arte e técnica da dança, nacional e internacionalmente, e ainda a divulgação dos seus trabalhos nos media, para além do prestigiado título de campeão. Este concurso é exclusivamente online e decorre no Facebook do Cifrão, sendo que a final vai ser debatida em direto no Palco da Street Dance. Originalidade, musicalidade, criatividade, atitude, e performance são alguns dos critérios valorizados neste concurso, que apresenta um conceito inédito em Portugal e está associado a um dos principais nomes da dança em Portugal.

 

Melhor BBoy de Portugal: a competição

A Street Dance do Rock in Rio-Lisboa 2016 vai receber uma competição inédita em Portugal. Para este concurso, vão ser convidados os 16 melhores Bboy’s nacionais, os quais integram crews de elevada qualidade como os Momentum crew, Natural Skills, Zoogang, Gaiolin Roots, Funky Flex, 12 Macacos, entre outros. Muitos destes Bboy’s somam vários prémios em campeonatos a nível nacional e internacional.

 

Hip Hop Internacional: atuação dos vencedores

Fundada em Los Angeles e reconhecida em mais de 100 países, a Hip Hop International é, desde 2002, produtora de múltiplas competições de danças urbanas, entre as quais estão “MTV ́s Randy Jackson presents America’s Best Dance Crew”, o “USA Hip Hop Dance Championship” e o “World Hip Hop Dance Championship”, entre outras. O Hip Hop Internacional Portugal é a entidade responsável pela organização da competição “PORTUGAL HIP HOP DANCE CHAMPIONSHIP”, o maior evento nacional de dança hip-hop que apura os representantes portugueses para o evento mundial que se realiza nos EUA, o “World Hip Hop Dance Championship”. No Rock in Rio-Lisboa-2016, subirão ao Palco Street Dance os vencedores das várias categorias do “Portugal Hip Hop Dance Championship”, que irão concorrer em Las Vegas.

A festa dos 30 anos no Rock in Rio-Lisboa

A 7.ª edição do Rock in Rio-Lisboa realiza-se no Parque da Bela Vista nos dias 19, 20, 27, 28 e 29 de maio. São cinco dias de evento, cinco palcos, várias atrações (roda gigante, slide, pool parties) e 12 horas de festa por dia.

No Palco Mundo vão ouvir-se hits bem conhecidos de todos, pela voz de artistas e bandas como Bruce Springsteen, Queen + Adam Lambert, Hollywood Vampires, Maroon 5, Avicii, Ariana Grande, Ivete Sangalo e Xutos e Pontapés. E, respondendo ao desafio de inovar a cada edição, pela primeira vez no Palco Mundo a estreia do espetáculo Rock in Rio – O Musical, uma adaptação de uma super produção que passou pelos teatros do Rio de Janeiro e de São Paulo e que conta com a participação de cerca de 25 talentos, entre atores e bailarinos.

No Palco Vodafone promove-se o que há de melhor na música alternativa internacional e nacional. Durante os cinco dias, vão passar por aqui nomes como Black Lips, Boogarins, Metz, Real Estate, Hinds, Keep Razors Sharp, Capitão Fausto, B Fachada, Glockenwise e Sensible Soccers e, ainda, os Vodafone Wild Card – jovens promessas portuguesas.

A Eletrónica chega, esta edição, com uma nova estrutura de Palco que inclui uma área de piscina onde, diariamente, serão realizadas pool parties, animadas por consagrados DJs nacionais. À noite, o espaço da Cidade do Rock dedicado à música eletrónica recebe cerca de 30 TOP DJs nacionais e internacionais, entre os quais Carl Cox, Hudson Mohawke, Mano Le Tough, Alok e Gus Gus (ao vivo).

A rua mais eclética da Cidade do Rock também está de volta nesta edição. A EDP Rock Street será dedicada ao Brasil – país que viu o Rock in Rio nascer – e além de espetáculos de rua de baianas, capoeira, grupo de chorinho e danças de salão, ao Palco vão subir músicos brasileiros para cantar grandes nomes da música brasileira.

E o entretenimento não vai ficar por aqui! Depois do sucesso das últimas edições em Lisboa, o Palco Street Dance está de volta. Em parceria com a Jazzy Dance Studios e com Álvaro Lopes como Diretor Artístico, este palco recebe Cifrão como embaixador e conta com nomes como Blaya, FunkyMonkeyz e a crew residente Jukebox Project.

19 de maio20 de maio27 de maio28 de maio29 de maio
Palco Mundo
Bruce SpringsteenQueen+Adam LambertHollywood VampiresMaroon 5Avicii
Xutos & PontapésMikaKornIvete SangaloAriana Grande
StereophonicsFergieRival SonsD.A.M.A & Gabriel O PensadorCharlie Puth
Rock in RioO MusicalRock in RioO MusicalRock in RioO MusicalRock in RioO MusicalRock in RioO Musical
Palco Vodafone
Black LipsBoogarinsMetzReal EstateHinds
Keep Razors SharpSensible SoccersGlockenwiseCapitão FaustoB Fachada
vodafone wild cardvodafone wild cardvodafone wild cardvodafone wild cardvodafone wild card
ELETRÓNICA
MANO LE TOUGHCARL COXHUDSON MOHAWKEALOKGUS GUS (live)
PSYCHEMAGIKOCTAVE ONE (live)NIGHTMARES ON WAXSIGALARODRIGUEZ JR
PIXEL 82DJ VIBESERGINHODIEGO MIRANDAPARANOID LONDON
MIGUEL QUINTÃO & ÁLVARO COSTACONTI & LEOZINHOBEATBOMBERSPEDRO CAZANOVALOUISAHHHH
FANDANGOCARLOS MANAÇAJOHN PLAYER SPECIALAMANDA CHANGRENATO RATIER
DUARTE
ELETRÓNICA/POOL PARTIES
MARY BFAUVRELLEDJ NERIDYNAMIC DUORAMBOIAGE
DJ ALDJ POPPYHOLLYOLGA RYAZANOVACRUZ & KAEZER
C.V.L.TPAUL DAYGROGNATIONDAN MAARTENHNRQ
Palco EDP Rock Street
Mart’nália canta Martinho da VilaMart’nália canta Martinho da VilaLéo Gandelman toca Tom Jobim e Noel RosaToni Garrido canta Tim MaiaToni Garrido canta Tim Maia
Serjão Loroza canta A Malandragem CariocaSerjão Loroza canta A Malandragem CariocaCiroCruz toca O Nordeste do BrasilSimoninha canta Jorge Ben JorSimoninha canta Jorge Ben Jor

Mais informação em http://rockinriolisboa.sapo.pt/

Fotografia – Nuno Cruz