Eigreen é o primeiro LP da banda de Coimbra e tem o selo da Lux Records

Por entre o sonho e o fresco verdejante do bosque, vindo do desejo de Francisco Frutuoso (voz, guitarra e teclado) de transpor o seu imaginário para a música, nasce o projeto Eigreen. Retidas no baú durante 8 anos, devido ao seu envolvimento noutras bandas, à impossibilidade de gravação em estúdio e à insegurança de trazer a público uma criação tão pessoal, as canções foram descobertas pela sua irmã gémea Luísa Levi (voz), que desde logo as quis começar a cantar. Daí foi um ápice até o convencer a juntar um grupo de amigos para lhes dar mais forma: Carlos Serra (baixo), João Ribeiro (guitarra) e Rui Pedro Martins (bateria).

As composições de Eigreen vão desde o registo acústico ao dream rock, passando pelo trip-hop e downtempo. As paisagens cruzam riffs quentes e teclas elegantes. Um baixo apaziguante e um duo de vozes que nos deixa à deriva entre um bosque primaveril coberto de verdura fresca e, ao mesmo tempo, nos eleva a um céu longínquo onde voamos ao lado dos pássaros. O álbum de estreia, homónimo, chega hoje ao mundo e foi gravado nos estúdios Blue House e misturado por Niki Moss nos estúdios Pontiaq.

Na natureza reside aquela dualidade que tanto intimida e assusta, como liberta. O primeiro disco de Eigreen carrega com ele uma mistura de uma ansiedade e libertação que se podem associar à natureza quando materializada por instrumentos.

Eigreen é um disco que absorve a alma e cuja alma pode engolir, também. Tal como a vida em si, que vem da mãe natureza, está dividido por diversas fases. Essas fases simbolizam a ligação entre Francisco e o disco e, por conseguinte, com a natureza. Cada fase tem interlúdios meramente instrumentais a separá-las umas das outras. Ascensão, Pico e Queda são as fases onde o sentir se defronta com criação, aventura, descoberta, paixão, admiração e capacitação.

São 8 músicas que nos levam a sonhar e a viajar, sentindo uma brisa fresca e leve a tocar-nos o corpo e a alma, despertando todos os nossos sentidos. Até aqueles, que por querer ou sem querer, escondemos. “It’s On”, primeiro single divulgado, marcou presença no disco Novos Talentos Fnac 2020. Em Janeiro deste ano lançaram o single “Into You” em exclusivo pela Antena 3, em Fevereiro “White Sharks”, acompanhada de um lyric video e no passado dia 12 de Abril mostraram “Dreamland” acompanhado de videoclipe.

Datas de apresentação de Eigreen:

14 MAIO – LUGO (ES) – Festival Fa Ce La
20 MAIO – ÉVORA – Festival Capote
21 MAIO – ALMADA – Fnac Almada – 16h30
21 MAIO – LISBOA – Fnac Alfragide – 21h30
22 MAIO – LISBOA – Fnac V. Gama – 17h00

Mais informação em facebook.com/eigreen.band

Fotografia (capa) – David Breda

Deixa um comentário