No dia 15 de Novembro começou a 5.ª edição do emblemático festival eborense Black Bass Évora Fest produzido pela Pointlist. Conhecido como um dos melhores festivais de inverno na vertente Rock/Psych/Punk/Garage/Shoegase em Portugal, termina hoje dia 17 Novembro na S.O.I.R Joaquim António d’Aguiar.

O festival tem início marcado para as 18.30 no Palco O Cão da Garagem com O Gringo sou eu e Huggs.

Às 21.30 começam os concerto no Palco Pointlist com Go Cactus, Mujeres, Solar Corona, FuglyBee Bee SeaSunflowers, fechando com Paul Jacobs. A noite termina  no Palco After Party com Turbo Tudor + Lava Gull Djset.

Com um ambiente muito especial, este festival prima pelo espírito DIY e pelos concertos super energéticos, ao ponto de já ter sido apelidado de “o mano mais novo do Barreiro Rocks”.

Ao longo dos 3 dias contaram com um line-up de peso, que este ano aposta em 16 bandas, entre nacionais e internacionais.

A produção e organização do BB 2018 estará, mais uma vez, a cargo da Pointlist, em parceria com a Câmara Municipal de Évora, e apoios da SBSR.fm, da Sociedade Joaquim António d’Aguiar e da Sociedade Harmonia Eborense.

A super crew Chupa-me o Alternativo estará mais uma vez ao nosso lado, e que este ano terá a insubstituível companhia dos nossos amigos do coração mais “garageiros” de Portugal – a editora portuense O Cão da Garagem.

+info  Black Bass Évora Fest

Fotografia (capa) –  Black Bass Évora Fest

Deixa um comentário