O maior Festival de Cinema Independente português está de volta. De 3 a 14 de Maio a 14ª Edição do IndieLisboa 2017 irá encher a cidade de obras magnificas e muitas novidades na secção Indie Music. A Música Em DX irá acompanhar esta secção, que até agora já conta com a confirmação de 3 documentários de 3 bandas de terras de sua majestade, Oasis, Sleaford Mods e Tindersticks.

Supersonic, realizado por Mat Whitecross e produzido pela dupla vencedora de Óscar para Melhor Docmentário em 2016 com Amy, Asif Kapadua e James Gay-Rees. Uma viagem sobre a ascensão da banda britânica dos irmãos Gallager, com as excentricidades de Manchester, os seus fãs e os humores de uma das bandas mais marcantes do britpop.

Bunch of Kunst, um retrato de proximidade sobre o duo pós-punk de Nottingham e o seu editor Steve Underwood, os Sleaford Mods sob o olhar de Christine Franz. Jason Williamson e Andrew Fearn lançaram o último longa duração no inicio de Março, English Tapas e são, muito provavelmente, a banda britânica mais underground da actualidade que se tornou um fenómeno de popularidade fora do Reino Unido.

Ainda dentro do universo musical, teremos na Secção Director’s Cut, o documentário Minute Bodies: The Intimate World of F. Percy Smith, realizado pelo vocalista dos britânicos Tindersticks, Stuart Staples. Das imagens de arquivo do fotógrafo e documentarista (naturalista) F. Percy Smith (1880 – 1945), o documentário tem a banda sonora original dos Tindersticks em colaboração com Thomas Belhom e a pianista Christine Ott. Teremos a presença de Stuart Staples na exibição do filme.

A grande novidade do IndieMusic serão as sessões de cinema ao ar livre no terraço do Capitólio, em que teremos bar de apoio e a cerveja artesanal MUSA a acompanhar os filmes!

Herói Independente do IndieLisboa 2017 é o cineasta francês Paul Vecchiali. Na totalidade de 50 filmes ao longo das cinco décadas da sua brilhante carreira cinematográfica, o IndieLisboa fez uma selecção de 17 filmes que serão exibidos na Cinemateca Portuguesa. O cineasta, também colaborador da revista Cahiers du Cinéma, é conhecido pela abordagem a temas controversos como a sexualidade, a pena de morte e a religião.

Na Secção Silvestre o destaque é o fotofilme, sendo o foco a dupla de realizadores húngaros, Gusztáv Hámos e Katja Pratschke.

Dia 3 de Maio a 14ª Edição do IndieLisboa arranca no S. Jorge, e a sala Manuel de Oliveira irá receber Colo da realizadora portuguesa Teresa Villaverde, que teve estreia mundial no Festival de Cinema de Berlim. A sessão de encerramento será no dia 14 de Maio, no Grande Auditório da Culturgest, com a exibição do brilhante documentário I Am Not Your Negro do realizador haitiano Raoul Peck, com o autor e ensaísta James Baldwin.

A Música em DX irá acompanhar todas as novidades do IndieLisboa 2017, e prometemos muito em breve, partilhar muito mais informação.

+info em http://indielisboa.com/

Texto – Carla Sancho